Microempreendedor Individual

Imagine a seguinte situação: você é uma pessoa que trabalha por conta própria. Possui visão de futuro e espera que seu negócio progrida. Mas seu negócio não é formalizado, ou seja, não possui CNPJ - Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas e, como tal, não pode emitir nota fiscal. Este simples fato (de não possuir este cadastro) pode se tornar um problema para o crescimento do negócio.

Veja a situação: você oferece seu negócio, digamos, de pedreiro a uma empresa qualquer para a realização uma pequena obra. Estabelece seu preço e o prazo de conclusão da mesma. No ato do fechamento do negócio, a empresa contratante solicita à você a emissão da nota fiscal pela prestação dos serviços. Como você não está formalizado (não possui o CNPJ) perde o negócio.

Esta situação é fictícia, mas acontecerá sempre que uma pessoa física tentar prestar serviços a uma empresa.

Por outro lado, formalizar um empreendimento é bastante caro e burocrático. As despesas para a criação e manutenção de uma organização faz com que as pessoas desistam de formalizar seus negócios.

Pensando neste pequeno contratempo, o Governo Federal criou o MEI – Microempreendedor Individual, que é a forma mais rápida para a formalização do pequeno negócio. Uma vez formalizado, o pequeno empreendedor terá um CNPJ, emitirá nota fiscal e poderá estabelecer negócios mais rentáveis e lucrativos com empresas. Antes da formalização seu negócio ficará restrito aos contratos entre pessoas físicas.

Bem, mas e as taxas de manutenção? Não são custosas. Por fim, O tempo para se formalizar é rápido. Logicamente, esta possibilidade não está disponível para qualquer empreendimento.

Para saber mais visite o link http://www.portaldoempreendedor.gov.br/mei-microempreendedor-individual/atividades-permitidas/lista-completa-de-atividades-permitidas-ao-mei.

Imagem: http://thumbs.dreamstime.com/x/fure-figura-chave-de-introdu%C3%A7%C3%A3o-no-dinheiro-10140755.jpg

Por Glauco Carvalho, Instrutor de Gestão Empresarial.

Valentine's Day

 

O Dia dos Namorados é conhecido em muitos países ao redor do mundo como Dia de São Valentim ou Valentine's Day e é comemorado em 14 de Fevereiro. Neste dia se celebra o amor entre os casais apaixonados; geralmente se surpreende a pessoa amada com cartões, flores, joias, bombons, jantares românticos ou até mesmo um pedido de casamento.

Muitos acreditam que o Dia de São Valentim origina-se da história de um sacerdote católico da Roma Antiga que se chamava Valentim. Durante o governo do imperador Claudius II, ficou proibido que se realizassem casamentos, pois ele desejava formar um grande exército. O tirano pensava que se jovens não tivessem família se alistariam mais facilmente, se dedicariam mais ao exército e, portanto, haveria mais soldados empenhados em defender o seu Império. O sacerdote Valentim considerou o decreto injusto e continuou a casar os jovens apaixonados em segredo. Essa prática foi descoberta, o sacerdote foi preso e condenado à morte. Enquanto Valentim estava preso, muitos jovens o presenteavam com flores e bilhetes para reafirmar que ainda acreditavam no amor. Uma dessas pessoas era Julia, uma jovem cega, filha do carcereiro. Ela milagrosamente recuperou a visão e os dois se apaixonaram. Julia e Valentim não puderam viver esse amor, pois ele foi decapitado em 14 de Fevereiro de 270 d.C. Reza a lenda que Julia plantou uma amendoeira de flores rosadas junto a tumba de Valentim. Hoje as amêndoas são símbolo de amor e de amizades duradouras. Não há qualquer fato que comprove esta história, porém ela é aceita em muitos países como a origem do Dia de São Valentim.

Em muitos países hispânicos o Dia de São Valentim é chamado de Día del Amor y de la Amistad ou Día de los Enamorados, pois neste dia é tradição presentear as pessoas pelas quais se tem um carinho especial, independente de existir algum romance entre elas.

Na Colômbia e na Bolívia o Dia do Amor e da Amizade é comemorado em Setembro e além da tradicional troca de presentes, flores e cartões, é comum realizar o jogo do Amigo Secreto ou Invisível.

Nos Estados Unidos, é chamado de Valentine's Day e também não é comemorado somente pelos casais apaixonados. A data tem um sentido mais amplo e amigos também podem presentear uns aos outros com doces e cartões para mostrar seu carinho. Na escola, as crianças também fazem cartões para presentear os colegas e os pais.

 

Por Mariana e Jéssica, Instrutoras de Idiomas.

 

 

Sites de consulta:

http://www.resumosetrabalhos.com.br

http://www.timeanddate.com

http://www.creable.com.mx

http://www.educando.edu.do

http://www.brasileirosnosestadosunidos.com/

 

Imagens:

 

  1. Título "Happy Valentine's Day" - ClipArt do Word

  2. Título "Feliz San Valentin" - ClipArt do Word